No taxi!

A Jaque mandou eu postar, então eu posto!!

Sentados na mesa na porta da quadra, eu havia dado a idéia de irmos ao motel jogar poker e beber. Eu, ele e minha amiga. Não fomos. A idéia foi apenas uma brincadeira, mas ele queria mesmo uma deixa...

Resolvemos ir embora. Entramos no táxi, seguimos rumo à casa dele e dela, já que os dois moram na mesma rua. Ela desceu, ele disse que seria cavalheiro e me deixaria em casa. Assim que a porta bateu, ele segurou meu rosto e disse que agora poderia me dar um beijo. Aquela boca grossa, macia, molhada, acariciando meus lábios e procurando minha lingua com a sua. As mãos dele percorrendo a lateral da minha coxa, minhas costas e cintura. Segurava meu pescoço e me puxava pra perto, beijando minha boca e abraçando meu corpo. E o motorista do taxi, por ter ouvido nossas brincadeiras logo que entramos os três no táxi, colocava pilha perguntando se agora que estavamos sozinhos íamos pro motel. E ele concordava com o motorista, eu dizia que não e ele tentava me convencer dizendo que me deixaria em casa depois.

Não adiantou. Desci na porta de casa, completamente excitada com a possibilidade de ter ido pro motel com ele. Na verdade, o que eu queria mesmo era mandar o motorista ficar dando voltas enquanto eu o montava no bando de trás, enquanto mordia seu pescoço e ele segurava meus seios, deixando o motorista excitado, cheio de vontade, gemendo alto, com os vidros ficando embaçados...

Mas desci do táxi na porta de casa. Ele esperou que eu entrasse na portaria e mandou o motorista seguir. Enquanto subia o elevador eu podia sentir minha calcinha molhada, a respiração ofegante e a vontade de ter ido com ele.

Ai, ai,às vezes eu me acho uma burra! hahaha

Beijoselambidas, Flux*

7 comentários:

Zuza Zapata disse...

Tinha que ter aproveitado e ido com o rapaz ou chamado ele para subir hehehe :)

Beijos!

menina fê disse...

ahhhhhhh
eu teria ido com toda certeza!!


rsrsrs

Tara Flux* disse...

Zuza, não podia por dois motivos: um, eu o havia conhecido naquele dia e temos milhões de amigos em comum. É pedir pra ganhar fama, né? Dois: minha mãe estava em casa! haha

Beeijos

Fê, digo o mesmo a vc, mas prometo que da proxima eu vou! Beijos

Daniel disse...

Devia ter feito no táxi, no mínimo! haahhaha

Tu é a J com essa coisa de táxi... coisa boa...

Casal Desiderium disse...

Olha... tem coisas que mexem com a imaginação da gente...
Hahaha
Amei o relato!!!

Bjs
Lia

Jaque disse...

Ai, Tara! Que delícia... Ainda mais com o motorista botando pilha... Pega um táxi de novo...

Eu pensei agora há pouco no táxi que quero pegar... Ai, ai, ai!


Beijos, gatona!

Tara Flux* disse...

Nem me fale, Jaque. Eu tava quase batendo no motorista e agarrando o menino! hahaha

Eu ainda preciso finalizá-lo! URGENTEMENTE!

hahaha

Imagens de tema por sebastian-julian. Tecnologia do Blogger.