Homens


Eu gosto de homens educados. Homens firmes, mas que não percam o bom jeito de falar. Não precisa ser bonito. Não precisa ser perfeito, basta ser homem. Mas não ser homem no sentido singelo da palavra. Homem que é e se faz. Homem que assume, que conquista, que seduz. Sem aquela sedução velada, ou a escrachada. Aquela sedução em que o homem se deixa observar fingindo que não está percebendo o interesse da mulher nele e quando ela menos espera, ele cruza o olhar, fingindo não se importar, mas deixando claro que a deseja.

Gosto de homens fortes, que sabem se portar à mesa e se preocupam com os outros, mas sem perderem aquele leve ar arrogante. Homens que sabem ser verdadeiros na cama, mas nem por isso deixam transparecer algo além de desejo. Homens que sabem sentir apenas desejo e não sentem vergonha disso.

Aprecio a firmeza de um homem, em todos os sentidos. Assim como seus momentos de fraqueza. E entendo que são seres humanos, mas que devem ter mais momentos de força do que de fraqueza.

Eu gosto de homens, com H maisculo, bem maiúsculo, mas acho incrível, como em um fim de semana longe de casa eu consigo trair todos os meus gostos, e a troco de nada.
Ah, mas dane-se. Variar o cardápio faz bem.

Um comentário:

Tara Flux* disse...

Se alguém encontrar um assim, me avisa que eu sequestro e amarro no pé da mesa!

Imagens de tema por sebastian-julian. Tecnologia do Blogger.