Hoje poderia ser dia de...
Desesperada por um sexo de verdade, agressivo, petulante, com direito a palavras chocantes, suor escorrendo pela espinha e puxões de cabelo bem dados. Será que eu consigo? Ai, ai... Essa minha vida anda um tédio.

Hoje tem Salgueiro. Vou rebolar o popozão e aceitar qualquer proposta que me pareça interessante. Hoje meu corpo não me pertence. Hoje ele é do mundo e de quem mais estiver interessado em dominá-lo. Quero mão, boca, braços, pau. Quero tudo que eu puder ter, fora da medida, exageradamente delicioso.


'Abra suas asas, solte suas feras, caia na gandaia... ENTRE NESSA FESTA.'


P.S.: Será que o Coringa vai hoje? Duvido muito, mas quem sabe os anjos não colaboram e mandam uma certa pessoa de volta pros quintos do interior? Só por hoje...
Marcadores: | edit post
O que você achou?